Prefere áudio? Então clique e ouça este artigo

De acordo com a 13ª Pesquisa ABF Food Service, o delivery apresenta projeção de alta: 66% das redes investiram em serviços de entrega em 2018 e, neste ano, 78% devem direcionar seus recursos para esse segmento. E a sua empresa? Está atenta a essa demanda? Sabe como implementar um sistema para delivery?

Infográfico com o aumento do delivery no Brasil

Em meio a tantas dúvidas, é normal que o gestor se sinta pressionado e receoso de investir no seu restaurante. Entretanto, a presença de um software de automação comercial proporciona grandes resultados e permite que todos os processos do estabelecimento operem em sinergia.

O que é serviço de delivery?

Para oferecer um serviço de delivery é preciso otimizar a sua produção para preparar e entregar refeições em outros locais que não são seu estabelecimento, como a casa ou local de trabalho de seus clientes. A compra da refeição pode ser realizada por diversas plataformas. Vários app de delivery estão disponíveis para cadastro (iFood, UberEats, Rappi, etc), mas existem outras opções como uma plataforma de delivery próprio do estabelecimento, e-commerce, whatsapp business e inclusive vendas por telefone.

Nos primeiros meses de 2020, as mudanças vieram mais rápido do que qualquer um poderia prever. Durante o enfrentamento da pandemia de COVID-19, o isolamento da população fez com que os consumidores aumentasse a demanda de delivery, principalmente no segmento de alimentação. Todos precisaram se adaptar a esta nova rotina que inclui o trabalho em home office, trazendo novos desafios para as marcas em todo o mundo.

Em 2019, o mercado de delivery no Brasil faturou cerca de R$ 15 bilhões, com crescimento de 20% em relação a 2018. Para 2020, a expectativa da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel) é registrar R$18 bilhões.

Mas a taxa cobrada pelos aplicativos de delivery é relativamente alta: pode variar entre 7% a 30% do valor do pedido. Se a plataforma faz apenas a mediação do pedido entre cliente e estabelecimento, a taxa pode ser mais baixa. Mas quando o aplicativo também faz a logística da entrega, o valor aumenta.

Por isso, é mais fácil obter sucesso ao oferecer o serviço de delivery ao contar com a automação comercial, que padroniza e integra os processos, organizando melhor as informações em tempo real para tomadas de decisões rápidas. E não se esqueça: antes de contratar um sistema de delivery é preciso conhecer todos os benefícios que o sistema oferecido pelo seu fornecedor tem.

Você é movido a desafios?

Gerir um empreendimento é um desafio (e dos grandes!) e essa máxima já faz parte do pensamento de quem empreende e de quem deseja fazer acontecer.

Delivery da Teknisa Integração 100% free

Mais que garantir bons resultados, o gestor deve calcular cada passo dado e aplicar a lógica ou alguma metodologia nos fluxos internos. Além disso, para quem tem ampla visão de mercado e pretende escalar o seu negócio, é imprescindível estar ciente das novas tecnologias, demandas e o comportamento do consumidor. É aí que o sistema de delivery entra!

Vamos imaginar o seguinte cenário: o gestor de um estabelecimento que realiza entregas precisa de uma organização para o recebimento e execução de cada pedido. Afinal, a falta de gerenciamento pode comprometer o andamento do serviço.

Melhores sistemas de delivery

De olho no mercado

A adoção de ferramentas tecnológicas se tornou uma estratégia, não apenas para modernizar o empreendimento, como também para sair à frente dos concorrentes. Empresas de pequeno, médio e grande porte que apostam na automação comercial criam um diferencial no mercado que tem se mostrado cada vez mais competitivo.

Apesar de ser uma realidade comum às inúmeras empresas existentes no mercado, muitas delas acabam se esquivando da tecnologia. Por motivos como: tradicionalismo, senso comum — e equivocado — sobre preço, dificuldade na implementação etc. Seja como for, a adoção de plataformas tem se mostrado uma estratégia efetiva aos gestores e, sobretudo, aos empreendimentos.

Sistema de Delivery: mais entregas e melhor satisfação 1

Os bons resultados, inclusive, estão aí para provar que a tecnologia não veio se sobrepor às empresas, e sim, integrá-las. É o caso dos sistemas para restaurantes, que auxiliam os gestores com o intenso fluxo interno, além de otimizar os processos. Garantindo bons resultados, naturalmente. Vamos analisar um exemplo de como o ERP para restaurante pode contribuir positivamente ao estabelecimento? Acompanhe!

Sistema de Delivery: por que a adoção é necessária?

Imaginemos que um estabelecimento trabalhe com entregas em domicílio, mas ainda não adotou nenhum sistema de delivery. Digamos que seja da forma tradicional, em que o cliente deve fazer a solicitação por telefone e pagar no momento da entrega.

Agora, pense nas seguintes situações: e se o interessado na compra não conseguir falar com o atendente porque todas as linhas estão ocupadas? Ou se ele não adquire o produto porque não possui dinheiro em espécie para pagar ao entregador? E se todo o processo seja mais difícil de gerir do que parece?

São inúmeras as vertentes que podem se desdobrar em problemas para o restaurante, pizzaria ou lanchonete. Não contar com um software de delivery pode ocasionar possíveis transtornos, além de comprometer a lucratividade do negócio como um todo. Então, aí vem o questionamento: quais as vantagens da implementação do sistema para restaurantes, lanchonetes etc?

Poder centralizar os processos em apenas um software auxilia, não apenas o gestor, mas também os colaboradores que o utilizam. Dessa forma, visualizar o fluxo de pedidos, produção e entrega, torna o processo mais efetivo. Também é possível gerenciar os pontos de venda por demanda de produção.

 

O sistema de delivery também permite que os pedidos sejam feitos por meio da plataforma. E o que é melhor, de qualquer lugar. Assim, você abrange mais clientes, que poderão realizar pedidos simultâneos e com mais praticidade. Sem mencionar ainda que poderá disponibilizar a eles diversas opções de pagamento, incluindo o de forma online. Alternativas como a retirada dos produtos na loja, é mais um exemplo dos benefícios que o sistema de delivery pode agregar ao seu estabelecimento.

Também é relevante destacar o acesso aos dados como tempo médio de produção e entrega. Os status dos pedidos e volume de procura, que permite apurar quais têm tido maior ou menor número de compras. Ideal para um controle mais eficaz, certo?

Delivery em números

A pesquisa da ABF também mostrou que as novas tecnologias continuam em alta:

tecnologias utilizadas nos serviços de delivery

  • 47% das marcas pesquisadas pretendem investir em equipamentos com tablets para menu em 2019, contra 21% de 2018;
  • Os pedidos online vêm a seguir, com 68% das projeções de investimento contra 53% no mesmo período;
  • 41% das redes pesquisadas pretendem investir em quiosques e sistema de autoatendimento em 2019 (17% destinaram recursos para esses itens em 2018).

O estudo também revelou outro dado relevante, em relação ao aumento dos investimentos em tecnologias “front of the house” (à frente do balcão).

crescimento de franquias no food service

Dados da ABF do ano passado indicam que as franquias de Food Service tiveram um crescimento de 7% em sua receita, saltando de R$ 42,816 bilhões para R$ 45,827 bilhões.

O delivery vem pegando carona nesse crescimento e representa uma fatia crescente da receita das redes de food service. A pesquisa indica que o faturamento relativo às operações com serviço de entrega em 2018 correspondeu a 37% do total nas marcas de culinária.

Conclusão

São inúmeros os benefícios da adoção do sistema para delivery no restaurante, pizzaria ou lanchonete. Otimização é a palavra que melhor descreveria cada ponto positivo de forma sucinta. Aumentar os canais de venda, abrangendo e fidelizando mais clientes, além de permitir um controle mais exato dos processos internos que surtem bons resultados. Um investimento em curto e longo prazo, que gera bons — e constantes — resultados. E, consequentemente, melhor satisfação por parte dos consumidores.

Enquanto gestor, ou interessado em empreender, nosso conselho ao final de cada post é sempre optar por softwares de procedência, intermediados por empresas com expertise de mercado. Por isso, dê preferência a quem entenda do assunto.

softwares e app de delivery da Teknisa

O que achou da sugestão? Acredita que adotar um sistema de delivery eficaz consiste em uma estratégia assertiva à sua empresa? Não deixe de comentar!

Quer saber mais sobre o sistema de delivery para restaurantes e pizzarias citados no texto?
Converse agora com um dos nossos consultores e tire todas as suas dúvidas.