Com tantos softwares, aplicativos e até soluções com inteligência artificial disponíveis no mercado, automatizar as vendas e os processos é fundamental. Basta escolher quais sistemas para gestão se adaptam melhor às necessidade da empresa e garantem o melhor desempenho da operação.

As empresas que têm melhores resultados após adotar a tecnologia como aliada à gestão sabem que a infraestrutura de TI não pode ser tratada com menor prioridade — se esta não desempenhar seu papel na automação, todo o investimento pode “ir por água abaixo”.

Ainda sim, não é incomum que softwares sejam implementados sem levar em conta a infraestrutura atual da empresa, adiando e até mesmo menosprezando a importância que as configurações e aparelhagens corretas têm para tornar a operação da empresa muito mais eficaz.

O motivo mais comum, que leva o gestor a desconsiderar a aquisição de recursos, é o preço. Embora indispensável, investir em serviços de TI pode ser bastante caro, mas nem sempre é assim — grande parte dos custos de TI estão relacionados a retrabalhos.

Quando a empresa conta com uma consultoria de um profissional de TI, ela planeja uma boa infraestrutura, pensada e construída para o seu tipo de negócio, o que reduz custos da implantação e elimina o retrabalho.

E quais são os custos envolvidos?

Quando as empresas contam com pouca disponibilidade de recursos, adquirir novas tecnologias não ficam no topo das prioridades. Alguns setores conseguem operar sem muito apoio de tecnologia, mas outras áreas precisam da agilidade e eficiência que softwares e aplicativos podem oferecer aos processos.

Considerando as necessidades empresariais básicas quanto a processos de TI, — a locação de servidores locais ou na nuvem, o uso de VNP para conexão, contratação de softwares — os gastos com instalação e manutenção de equipamentos, pode consumir boa parte do orçamento das empresas.

Porém, a tecnologia pode acompanhar o crescimento da empresa, e dar aquele impulso nos resultados. Basta considerar qual será o investimento e, no que diz respeito a finanças, ter um planejamento sólido.

Se a empresa já investiu no desenvolvimento de um software ERP, ou adquiriu uma solução de gestão do mercado, a área de TI precisa ser envolvida no processo de implementação, já que o profissional responsável pelo banco de dados e manutenção das redes pode traçar a melhor estratégia para a necessidade da empresa.

Você sabe se a infraestrutura de TI dos seus negócios está adequada para o seu tipo de operação? Continue a leitura para ver quais são os principais alertas!

Mesmo que você tenha montado a infraestrutura recentemente (cabeamento, equipamentos, e configuração de internet), é possível que ela não suporte a mudança de operação.

Ainda que você tenha algum conhecimento técnico sobre o assunto, o ideal é realizar uma análise de infraestrutura com profissionais da área de tecnologia da informação (TI), que irão sugerir o melhor modelo para cada operação.

Se a desenvolvedora do software contratada tiver acesso a infraestrutura atual da empresa antes de realizar a implantação do sistema, ela será capaz de adequá-la para a quantidade de sistemas operados simultaneamente, maximizando os benefícios da solução e os resultados da empresa.

Atente-se aos sinais:

  • A operação “cai” em todos os dispositivos. Quando todos os sistemas param, o problema pode não ser com o software ou com os dispositivos, e sim com a rede mal distribuída. Ter uma infraestrutura de redes independentes elimina o “efeito dominó”, e garante que, mesmo com tudo funcione conforme esperado.
  • Todos os aparelhos estão conectados à internet. Se a mesma rede de internet é utilizada em todo o estabelecimento — operação dos sistemas internos, uso pessoal de clientes, escritório de gestão, etc. — você terá uma demanda muito alta, resultando em um desempenho fraco para todos. Substituir acesso a internet dos sistemas internos por uma rede interna que não vai sofrer com a queda de internet permite, por exemplo, uma redução de custos com a provedora de internet.
  • O aparelho é caro e não entrega o que promete. Ao comprar dispositivos e equipamentos, temos a tendência de achar que o mais caro é melhor. O ideal, porém, é analisar se aquele dispositivo é recomendado para aquela função. Às vezes você não precisa de um roteador de última geração, ou um servidor local — um profissional de TI pode indicar a solução com melhor custo-benefício.
  • Escolha o melhor caminho. Apenas o gestor da empresa sabe quanto e quando ele pode gastar com melhorias em sua operação. O indicado é atualizar a infraestrutura e ter a melhor performance desde o início, mas, se esse não é um investimento possível no momento, atue com a infraestrutura atual e faça melhorias pontuais até atingir a melhor performance.
  • Replique o modelo que te atende nas demais unidades. Para ganhar tempo e diminuir a dor de cabeça durante a implantação de novas unidades, é importante documentar e replicar a mesma infraestrutura em outras franquias ou unidades. Se já está testado, o risco de ter problemas com a infraestrutura é muito menor.

Pebbian by Teknisa

Cloud computing: qual é o custo-benefício?

Segundo estudos publicados pela International Data Corporation (IDC), até o ano de 2020, os investimentos corporativos em computação em nuvem chegarão ao patamar de US$2,5 bilhões.

O cloud computing aparece no mercado tecnológico como uma das melhores soluções operacionais, visto que seu custo-benefício às empresas que buscam pela implantação de sistemas de automação em seus processos internos é bastante atraente.

A maioria dos serviços de computação em nuvem se enquadra em quatro categorias amplas: IaaS (infraestrutura como serviço), PaaS (plataforma como serviço), sem servidor e SaaS (software como serviço).

Virtualizar os recursos e sistemas de informação, por meio da contratação de cloud computing, é uma opção para aqueles que querem garantir a qualidade e a segurança dos dados corporativos, e com orçamentos mais flexíveis.

Quais são as outras vantagens da tecnologia em nuvem nas empresas?

Ao utilizar a computação em nuvem, a empresa conta com maior segurança nos seus processos e aplicações, facilitando a integração e o controle gerencial. Além disso, garante maior sigilo de informações, confiabilidade dos dados, autonomia no uso das soluções e escalabilidade, por meio da modalidade de pagamento pelo uso (pay per use).

O cloud computing armazena e atualiza todas as informações corporativas, se unindo à mobilidade para possibilitar a gestão em qualquer lugar, a qualquer hora do dia. Apesar do mercado deixar claro que investir em soluções na nuvem já deixou de ser tendência para se tornar realidade, algumas adaptações na cultura dos departamentos de T.I precisam ocorrer, pois há vantagens evidentes no processo: com ele, economiza-se equipamentos, espaço físico e mão-de-obra.

Na hora de migrar para a nuvem, erros como a falta de planejamento de segurança, governança e conformidades impedem que o desempenho das soluções contratadas alcancem a expectativa. É importante investigar assuntos como legislações a respeito das informações que estarão na nuvem, prevenindo-se de ser pego em uma auditoria futura.

Conte com uma infraestrutura planejada por profissionais

Migrar ou implantar um sistema é sempre um grande desafio. Mas, para aquelas empresas que possuem infraestrutura própria de servidores, datacenter, VPN, links de internet dedicados, etc que mantém seus sistemas e softwares em operação, a infraestrutura correta traz um ganho imediato e perceptível.

E, se a empresa passa a contar com um sistema que se utiliza de uma infraestrutura melhor, mais escalável e que não precisa ser gerenciada pela equipe da interna, ganha mais tempo e produtividade naquilo que é seu diferencial de mercado, agregando maior valor para seus clientes.
Reduza os custos de infraestrutura da sua empresa adotando as soluções Teknisa. Fale com um de nossos consultores e descubra como podemos tornar a sua gestão ainda mais inteligente.

Ficou interessado em saber mais sobre o assunto?
Então não deixe de entrar em contato com um de nossos consultores.
O bate-papo é sem compromisso! 🙂