Qual a importância do mix de produtos à minha empresa?

Sobreviver em um mercado cada vez mais exigente e competitivo é um desafio e tanto para qualquer gestor.

Diante das constantes mudanças e inovações, acompanhar todas as tendências e ainda criar estratégias para manter, ou aumentar, a satisfação dos clientes, demanda muito tempo de quem empreende.

No entanto, quando falamos de uma empresa de varejo, por exemplo, que comercializa determinadas mercadorias, é de suma importância realizar uma gestão apurada de cada uma delas, garantindo principalmente a longevidade no negócio.

E é nesse contexto que o mix de produtos surge como uma estratégia essencial para o sucesso de vendas de uma organização.

Mas, o que irá definir o êxito é simplesmente disponibilizar várias opções de produtos aos consumidores? Continue nos acompanhando para saber a resposta! 🙂

O que é mix de produtos e por que é importante?

O mix de produtos é descrito como a variedade de produtos que uma empresa oferece ao mercado. Em outras palavras, a quantidade de itens que são comercializados pela marca.

Em tese, e grosso modo, dispor de uma quantidade considerável de produtos pode soar como uma estratégia obrigatória a qualquer gestor. Porém, como já esperado, nada deve ser executado sem que haja um planejamento.

É claro que o mix de produtos é essencial a toda e a qualquer empresa, mas vale lembrar que tudo deve ser mensurado e diferenciado até mesmo para evitar prejuízos financeiros à mesma.

Primeiramente, é importante ressaltar que o mix de produtos irá variar de acordo com alguns fatores, como:

  • O segmento que a empresa atua;
  • Tamanho da empresa;
  • Tipo de produtos oferecidos pela empresa;
  • Público-alvo e personas;
  • Região de atuação.

Após realizar o levantamento de todas as informação necessárias para o mix de produtos, é preciso que os gestores tenham em mente algumas questões importantes como por exemplo:

  • É financeiramente viável disponibilizar mais opções da mercadoria X ou Y?
  • Haverá adesão necessária para compensar o investimento em mais opções?
  • Seus clientes realmente demandam por mais uma opção daquele produto?
  • Os preços das mercadorias são tangíveis ou atrativos?
  • Você está atento(a) quanto aos diferenciais de cada mercadoria?

A partir dessas perguntas, será possível estruturar um planejamento mais assertivo, evitando gastos que excedam o orçamento, além de prejuízos gerados pela perda de mercadorias no estoque, por validade, por exemplo.

E por que é importante investir e disponibilizar um mix de produtos de forma correta?

No caso do varejo, por exemplo, outras opções de mercadorias podem abranger novos públicos que demandam por determinados tipos de produtos, como é o caso dos alimentos vegetarianos ou livres da lactose, açúcar presente no leite.

Investir em segmentos diferenciados como os citados acima garantem uma boa experiência aos clientes que irão, não apenas se fidelizar mais rapidamente, como serão “advogadas da marca”, divulgando-a para conhecidos.

Vale ressaltar que, após uma experiência efetiva, 69% dos consumidores indicam uma empresa aos amigos e familiares.

Esse encantamento gera mais reconhecimento e visibilidade do estabelecimento, aumentando, consequentemente, a lucratividade do negócio.

Conte com a tecnologia para te auxiliar!

Como parte do planejamento, é importante tomar algumas providências que auxiliam ainda mais o processo de mix de produtos.

Por exemplo: realize um levantamento dos produtos mais vendidos no estabelecimento.  Coloque na ponta do lápis alguns fatores como custo de produção e lucro gerado ao estabelecimento.

A partir da análise dos números, será possível obter um direcionamento a respeito de qual mercadoria vale mais a pena investir em mais opções.

Nesse desafio, ferramentas de automação comercial podem te auxiliar a alcançar tais dados estratégicos mais rapidamente, principalmente se estamos falando de pontos de venda diferentes.

Gostaria de saber mais sobre como as soluções de automação comercial podem auxiliam o seu mix de produtos? Entre em contato com um de nossos consultores!

Outro ponto que deve ser levado em consideração é a proporção do mix de produtos. Caso seja muito grande, há aumento nas despesas da empresa, o que podem gerar prejuízos financeiros de grande escala. Por isso, mais uma vez, o planejamento é importante para evitar esse tipo de cenário.

Em suma, o mix de produtos é peça-chave para tornar a experiência dos consumidores ainda mais positiva, além de permitir ações de marketing mais efetivas sobre as variedades disponibilizadas.

Quer saber mais?
Deixe seu contato que um de nossos consultores irá te retornar e detalhar como um sistema de automação poderá ajudar a alcançar os dados certos.


O que achou do conteúdo? Conte pra gente nos comentários abaixo. Não deixe de compartilhar em suas redes sociais para que mais pessoas saibam da importância do assunto. Até a próxima!

2019-01-08T17:19:44+00:007 de janeiro, 2019|Automação Comercial|

Deixar um comentário

dois × 1 =