Teknisa://Por que o MRP é importante para uma gestão inteligente e uma produção estratégica?

Por que o MRP é importante para uma gestão inteligente e uma produção estratégica?

Você sabia que aproximadamente  60% das empresas no Brasil fecham as portas devido à falta de definição do planejamento de negócios?

Gerir uma empresa é um grande desafio. E, quando falamos de produção, sobretudo em grande escala, uma atenção especial é exigida dos gestores, que devem estar sempre atentos ao controle de materiais e planejamento de produção.

E é nesse contexto que a ferramenta MRP (Material Requirement Planning) surge. Principalmente para facilitar a gestão dos colaboradores que trabalham com a administração de matérias-primas e produção, tornando a interação entre os setores mais estratégica.

Em uma indústria, por exemplo, essa solução auxilia gestores na tomada rápida de decisões, evitando o comprometimento da produção, que pode ocasionar transtornos e até prejuízos em larga escala.

Mas, como o MRP funciona quando inserido corretamente em uma empresa? Acompanhe o nosso post e descubra! 🙂

Como otimizar a produção em minha empresa ou indústria?

Primeiramente, é importante ter em mente duas perguntas: quanto devo produzir? Para quando? Guarde essas questões até o fim da nossa conversa.

Agora vamos imaginar uma situação que pode acontecer em alguma empresa, grosso modo. Um produto X é demandado. Para a execução da ordem, a equipe de produção aciona o time responsável pela aquisição de matérias-primas. Feita a solicitação, o que foi pedido é repassado aos colaboradores que irão produzir, de fato, a mercadoria.

No entanto, vamos pensar em um agravante: e se houvesse matéria-prima somente para a produção de apenas 20 produtos, dos 50 que foram solicitados? Ou pior, nenhum material para a equipe executar o pedido em tempo hábil? A produção atrasaria, e os produtos não seriam entregue no prazo estimado, o que causaria um grande transtorno aos colaboradores envolvidos.

Outro cenário desfavorável: e se a empresa não faz uso de nenhum software ou tecnologia que a auxilie no controle da produção e estoque de matérias-primas? Ou então opte por administrar os dados por meio de uma planilha, o que torna o processo manual e inexato?

A boa notícia é que existem opções para lidar com todas as problemáticas citadas acima. E o investimento possibilita que os gestores colham bons resultados em curto e em longo prazo. A resposta para isso já está no título desse texto: a ferramenta MRP. 🙂

MRP: várias funcionalidades, inúmeros benefícios

A tecnologia MRP funciona como uma engrenagem às empresas e indústrias, atuando diretamente no planejamento e produção de materiais. Por meio de funcionalidades abaixo, também é possível controlar os equipamentos, mão de obra, fornecedores e até distribuidores.

A solução inteligente permite que os gestores analisem a quantidade de matéria-prima (o que tenho para produzir) e estrutura um planejamento de produção a partir dos números. Ideal para um acompanhamento mais estratégico, que contempla desde o momento do pedido até o processo de execução da demanda.

Todas essas funções são performadas pelo que chamamos de MRP I, que estipula o planejamento focado na quantidade de matérias-primas que a empresa ou indústria possui. É uma ferramenta que proporciona um direcionamento mais eficaz, não apenas aos gestores, mas também aos colaboradores envolvidos nos processos.

O MRP II, por sua vez, é ainda mais abrangente. Além de realizar um planejamento a partir da quantidade de matérias-primas presentes no estoque, a ferramenta também permite aos gestores analisarem se há equipamento e mão de obra para a produção.

Todas essas funcionalidades também estão direcionadas ao conceito de rastreabilidade, já discutida anteriormente em outro post.

Dito isso, não é estratégico contar com um software que permite um controle mais assertivo do módulo de produção, através de uma única tela?

Saber onde encontrar essa solução é essencial!

Você se lembra das perguntas feitas no começo do texto? Quanto devo produzir e para quando?

As respostas inteligentes serão dadas por meio da própria ferramenta MRP. Por exemplo, se você necessita produzir uma quantidade Y para um dia específico, a solução analisará as opções e viabilidade do processo, permitindo um planejamento com mais exatidão.

Dessa forma, os gestores não correm o risco de perder ou atrasar sua produção, evitando prejuízos financeiros, inclusive. Já os colaboradores ganham em praticidade e aumento de performance.

Você sabia que o Sistema de Gestão Empresarial, da Teknisa, trabalha com os dois tipos de MRP? Além disso, o software é parametrizável, interliga-se com todas as áreas da sua empresa e está 100% na nuvem, ou seja, pode ser acessado de qualquer lugar.

Ficou interessado(a), então não deixe de bater um papo com um de nossos consultores para saber mais sobre as soluções inteligentes da Teknisa.

Curtiu o texto? Não deixe de comentar e compartilhar em suas redes sociais! 🙂

2018-09-19T16:24:03+00:0020 de agosto, 2018|Não categorizado|

Deixar um comentário