delivery

Cada dia mais os clientes exigem maior praticidade na hora de se alimentar. Diante disso, os aplicativos para smartphones que oferecem o serviço de delivery alimentício têm crescido consideravelmente no mercado. E, motivos para investir nessa solução não faltam:

É um negócio crescente

De acordo com um estudo feito pela Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel), o mercado de delivery faturou, aproximadamente, R$ 9 bilhões em 2015. Esse número demonstra um crescimento de R$ 1 bilhão em relação ao ano anterior.

Em 2014, cerca de 30% dos jantares foram feitos por pessoas com faixa etária entre 18 e 54 anos – é o que afirma uma pesquisa realizada pelo site Statista, nos Estados Unidos. De acordo com o levantamento, essas pessoas têm usado tablets e celulares para realizarem as compras.

O Grupo NPD também divulgou dados que mostram que os pedidos feitos através de plataformas digitais devem ultrapassar aqueles feitos por ligações telefônicas nos próximos anos.

É mais prático

Plataformas móveis têm aumentado seu uso entre os usuários e muitos usam esses aparelhos para pedir comida. O motivo é óbvio: o cliente pode fazer o pedido na palma de sua mão, visualizando todos os itens do cardápio, além de poder comparar com outros restaurantes.

Em uma pesquisa realizada pelas empresas Interactive Advertising Bureau e Viggle, mostra que 69% dos consumidores têm feito pedidos em aparelhos móveis, nos Estados Unidos. Realizado em 2013, o levantamento também mostrou que 50% dos usuários baixam aplicativos de um restaurante específico e 55% de vários restaurantes.

Além disso, o tempo gasto é menor. Enquanto uma ligação pode demorar em torno de cinco a sete minutos, o sistema online permite a compra em menos de um minuto.

Não tem erro

Em telefonemas é mais fácil acontecer algum ruído na ligação e o consumidor pode ter problemas em seu pedido acarretando frustrações para o restaurante. Um mau atendente também pode gerar problemas aos futuros clientes influenciando negativamente possíveis vendas.

Com o restaurante online esses erros são mais raros ou até inexistentes. Todas as informações quanto ao cardápio, preço, forma de pagamento, endereço, entre outros, ficam registrados de forma mais específica.

A personalização dos menus também permite que qualquer alteração nos pratos ou nos preços seja facilmente realizada sem custos adicionais – ao contrário do cardápio de papel.

Variedade de preços

As opções de restaurantes e os tipos de comidas são muito maiores em delivery online. Nesse serviço a empresa pode acompanhar os concorrentes e traçar melhores estratégias para o mobile estimulando a compra pela plataforma.

Os clientes podem ser atraídos de forma mais fácil, já que o alcance é naturalmente maior. Conquistar um espaço dentro do delivery depende das empresas presentes e como cada uma vai usar ações de marketing para melhorar sua performance.

Feedback e Reputação

A compra online também oferece a possibilidade de avaliar os vendedores presentes na plataforma e disponibilizar essas informações a outros usuários. Trata-se de uma via de mão dupla: o restaurante pode oferecer um bom serviço e ser bem avaliado, ou receber uma péssima avaliação e ter sua imagem degastada.

Para os usuários trata-se de uma excelente forma de conhecer o estabelecimento através da experiência de pessoas que compraram naquele local. Se os estabelecimentos souberem aproveitar essa se torna até uma forma de propaganda.

Outro destaque é a possibilidade de feedback através dessas avaliações, que ajudam a melhorar o atendimento de acordo com as principais queixas dos clientes. Se a demora na entrega está sendo uma das principais queixas o restaurante pode contratar um outro motoboy, por exemplo.

Comprar comida online já é um processo vivenciado na rotina dos brasileiros e tem a tendência de crescer ainda mais com o tempo. Suas vantagens vão desda melhoria nos preços até informações cruciais para mudanças no negócio.