Você, enquanto gestor, está atento às estratégias de sustentabilidade no restaurante?

Quando falamos em ser sustentável, é comum que venham à mente ações que contribuem para a preservação do meio ambiente. E é exatamente assim que deve ser.

Diante da necessidade de contribuir para um planeta mais verde, inúmeras empresas têm se posicionado a favor da causa. E, no cenário de alimentação fora do lar, a realidade não é diferente.

Dentre ações que visam reduzir o desperdício, ou o consumo excessivo de papel ou de plástico, cujo descarte impacta de forma direta nos ecossistemas, muitos gestores estão mais atentos às estratégias mais efetivas. Até porque, os próprios consumidores têm demandado por um consumo mais ecologicamente correto.

Nesse contexto também surge a tecnologia. Isto é, uma aliada nessa delicada missão.

Mas, como a tecnologia pode auxiliar um estabelecimento de food service a ser mais sustentável? Continue acompanhando para descobrir. Vamos lá? 🙂

Ser sustentável exige medidas estratégicas

Dentro do segmento de sustentabilidade, é possível destacar algumas estratégias que já estão em vigor em estabelecimentos de food service.

O uso de canudos de plástico nos bares, restaurantes e lanchonetes, é um exemplo. A causa tem repercutido bastante, e, inclusive, muitos estabelecimentos de alimentação fora do lar já estão se posicionando a favor da causa.

No Rio de Janeiro, capital, foi aprovada recentemente pelo prefeito a lei que obriga estabelecimentos comerciais a utilizarem canudos de materiais biodegradáveis, recicláveis ou reutilizáveis. Dessa forma, empresas food service que permanecerem usando o canudo de plástico terão que arcar com uma multa.

Você sabia que dez países (como Índia, Bélgica e França) já conseguiram banir, por completo, o uso de canudos de plástico?

Outra problemática é a questão do desperdício alimentar, que agrega inúmeros prejuízos aos gestores da área. Por inúmeras causas, seja por planejamentos mal executados, qualidade dos alimentos ou excesso de produção, o panorama é digno de atenção.

Independente do segmento a ser solucionado, você pode, e deve, contar com a tecnologia para suprir lacunas e contribuir para a sustentabilidade no restaurante. Descubra como logo abaixo!

Automação comercial pelo bem da sustentabilidade

O Sistema KDS (Kitchen Display System) é uma solução de automação comercial que colabora com a organização e a agilidade na entrega dos pedidos em um restaurante, bar ou lanchonete.

Então, se você possui uma hamburgueria, por exemplo, a tecnologia te auxilia a mensurar quanto tempo os colaboradores têm levado para entregar o pedido.

Em contrapartida, é possível estipular um prazo para o preparo dos alimentos através de uma tela alocada na cozinha. Dessa forma, a equipe poderá, não apenas acompanhar o tempo que possui para a entrega, como também os pedidos que chegam por meio dos atendentes.

Mas, como essa solução auxilia o seu restaurante a ser sustentável?

Acompanhe o raciocínio: se o seu restaurante se torna adepto à automação comercial, os garçons que realizam o atendimento poderão fazê-lo por meio de um tablet (comanda eletrônica). Dessa forma, os pedidos são enviados diretamente da mesa em que foram realizados. Isto é, encaminhados à tecnologia de KDS, presente na cozinha.

O que você poupará, além de tempo de produção e chances de erros nas anotações dos pedidos? Nós te diremos: papel.

Isso mesmo. Quem utiliza o sistema de automação comercial realiza a gestão centralizada em tecnologias implantadas em computadores e dispositivos móveis no estabelecimento de food service. Ou seja, não será necessário o uso da comanda de papel para anotar os pedidos.

Deste modo, você evita o consumo excessivo de papel e ainda economiza na compra ou na impressão do material. O seu orçamento agradece e seus clientes também!

Conforme dito anteriormente, no sistema KDS, os pedidos são registrados, e, à medida que vão sendo produzidos, os pratos são entregues aos consumidores, contribuindo para a produção mais assertiva de cada alimento.

Ou seja, se as refeições vão sendo preparadas de acordo com a demanda. Assim, a tecnologia contribui para evitar o desperdícios de ingredientes, ou até mesmo de alimentos que podem ser preparados para mais e que, consequentemente, poderão ser jogados fora.

CTA para baixar o ebook do KDS

O saldo, no fim das contas, é positivo!

Em suma, se formos enumerar os benefícios que a ferramenta de KDS agrega a seu estabelecimento de food service, seja em um curto ou em longo prazo, podemos ressaltar alguns como:

  • Mais produtividade da equipe;
  • Assertividade na execução dos cardápios;
  • Redução no consumo de papel, utilizado para comandas;
  • Diminuição da perda de recursos, que agregam prejuízos financeiros;
  • Sustentabilidade no restaurante e no planeta.

Vale a pena, certo? Ou seja, agora é investir para obter ótimos resultados!

O que você achou da discussão levantada por este texto? Não deixe de comentar e compartilhar em suas redes sociais. Esperamos tê-lo(a) ajudado. Até a próxima! 🙂

Ficou interessado em saber mais sobre o assunto?
Então não deixe de entrar em contato com um de nossos consultores.
O bate-papo é sem compromisso! 🙂